Demi Lovato foi a pessoa mais pesquisada no Google dos EUA em 2018; entenda


Uma pesquisa divulgada pela Billboard nesta quarta-feira (12) mostra que a cantora Demi Lovato foi a pessoa mais procurada no Google dos Estados Unidos em 2018. Na prática, isso quer dizer que o termo “Demi Lovato” – com e sem letras maiúsculas – foi pesquisado efusivamente, superando, inclusive, Meghan Markle, a nova integrante da realeza britânica.


Em parte, é possível que a ascensão de Demi Lovato nas pesquisas tenha acontecido devido a sua internação após uma overdose. A cantora foi encontrada inconsciente em sua casa e levada ao hospital. Não se sabe, com certeza, o que levou a cantora a overdose, mas ela foi medicada, na ocasião, com Narcan, que é um remédio utilizado para tratar efeitos de opióides, como oxicodona, por exemplo.


Após sair do hospital, a artista agradeceu o carinho dos fãs e o apoio da família. Ela também disse que sempre havia sido transparente sobre o seu vício e que tinha consciência de que sua “doença não desaparece ou se apaga com o tempo”.

“Sempre fui transparente sobre a minha jornada no vício. O que aprendi é que esta doença não é algo que desaparece ou se apaga com o tempo. É algo que eu preciso continuar superando e eu ainda não fiz. Eu quero agradecer a Deus por me manter viva e bem. Aos meus fãs, eu serei eternamente grata por todo o amor e o apoio que recebi nas últimas semanas. O seus pensamentos positivos e preces me ajudaram a navegar nestes tempos difíceis”, escreveu.


Categoria:Música

Deixe seu Comentário